Contrato com o Barcelona chegou ao fim e Lionel Messi está está livre para transferência

Ticker

6/recent/ticker-posts

Contrato com o Barcelona chegou ao fim e Lionel Messi está está livre para transferência


Leo Messi terminou no último dia 30 de junho seu contrato com o Barça e ficou sem clube desde o início desse dia 1º de julho. Apesar de sua continuidade parecer cada vez mais perto de acontecer, as partes parecem não ter chegado a um acordo.

Neste dia 1 de julho, uma situação desconhecida se vive na carreira de um Leo Messi que, pela primeira vez na sua carreira profissional, não é jogador do Barcelona. A estrela argentina finalizou seu contrato com a equipe do Barça e está livre. Um fato único que aumenta a incerteza quanto ao futuro do craque.

Desde que Joan Laporta voltou à presidência do time do Barça, o presidente tem demonstrado uma e outra vez seu desejo de renovar a estrela argentina. Porém, meses se passaram e o vínculo que unia as duas partes até 30 de junho expirou sem que um acordo fosse alcançado... ou sem ter sido formalizado.

A curiosa situação em que o '10' se mantém tem levantado inúmeras dúvidas sobre como ou porque foi alcançado, com especial atenção às cláusulas que tinha o último contrato que o jogador assinou com a entidade catalã. Algumas adições que podem custar muito caro para o clube do Barcelona.

Falta de acordo... para receber o bônus de fidelidade?

No último contrato de Messi, revelado pelo 'El Mundo', o argentino tinha uma cláusula de fidelidade no valor de 100 milhões de euros. Até agora, ele recebeu metade e a outra parte deve recolhê-lo assim que seu relacionamento com o Barça terminar, em 30 de junho.

Portanto, talvez o '10' tenha atrasado sua decisão de permanecer na entidade para receber o total deste valor e, então, negociar um novo contrato com o clube no qual poderia incluir um bônus a renovar para compensar desta forma um salário que, se continuado, seria seriamente reduzido em relação ao atual.

Da mesma forma, o movimento seria redondo para o argentino se ele fosse para outro clube, pois da mesma forma ele poderia receber um bônus de transferência ao deixar o time 'culé' com aquele bônus de fidelidade debaixo do braço. Um golpe que, neste caso hipotético, seria duplo para o Barça, que seria prejudicado a nível esportivo e econômico.

A sua permanência, em suspensão

Apesar disso, espera-se que Messi continue sua carreira na equipe do Barça, desde que o clube encontre a fórmula para não incorrer em ilegalidades com o limite salarial da LaLiga. A princípio, todas as informações indicam que Leo vai estender o relacionamento por mais dois anos, mas também era esperado que tudo fosse fechado muito antes desta quarta-feira.

Enquanto isso, alheio a tudo, o craque busca chegar à glória em uma Copa América em que, se não houver uma resolução rápida, fará sua primeira partida neste final de semana sem ser jogador do Barcelona.


 

Enviar um comentário

0 Comentários