Subscribe Us

header ads

Covid-19: Primeiro cobaia humano tomou a vacina hoje


Ian Haydon, de nacionalidade norte-americana, é o primeiro humano a receber a vacina que pode “salvar a humanidade”.
O voluntário de 29 anos aceitou ser testado, apesar dos riscos. Seu principal objectivo, confessa, não são os mil dólares de compensação, mas a possibilidade de fazer parte de um ensaio científico que pode “salvar a humanidade” do COVID-19.
Os ensaios científicos acontecem pouco dias depois de várias estrelas africanas ligadas à música e ao desporto, incluindo angolanos como Ndaka Yo Wini, C4 Pedro, terem se pronunciado sobre a intenção de dois médicos franceses em testar as primeiras vacinas em África.
Admitindo que não esperava ser o escolhido, Ian aguarda pela segunda dose da vacina, que será administrada no próximo mês.
Desde que foi descoberto, em Dezembro de 2019, o novo Coronavírus já infectou cerca de 1,4 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais mais de 80 mil acabaram por morrer. Dos casos de infecção, cerca de 260 mil são considerados curados.

Publicar um comentário

0 Comentários

Pesquisar neste blogue